Notícias

11
jun
2018
    Publicidade
Beatriz Ruiz é a primeira beer sommelier brasileira a receber o certificado Cicerone

A sommelier da Cervejaria Ambev, Beatriz Ruiz, acaba de conseguir o Cicerone, um dos certificados cervejeiros mais importantes do mundo. O resultado que saiu no mês de maio, é feito através de provas, vídeos e degustações.

Primeira vez aplicada na América do Sul, Beatriz realizou o teste pela segunda vez no início de abril, em Buenos Aires. “A média exigida para receber o certificado é de 80% no total e 70% na parte de degustação. Se você consegue atingir essa nota, você recebe o certificado. Do contrário, deve tentar novamente”, explica a sommelier.

O Programa de Certificação Cicerone foi fundado há 10 anos em Chicago e consiste basicamente em exames de conhecimento. Para o primeiro nível, o exame está disponível online e tem durabilidade de 30 minutos com 60 questões de múltipla escolha. No segundo nível, é testado o conhecimento do sommelier, questionando estilos, avaliações, processos, ingredientes e degustações. Por último, o candidato deve fazer um vídeo de até 3 minutos respondendo algumas questões pedidas pelo Programa.

“Fico orgulhosa por ter tentado novamente e ter conseguido passar. É uma prova muito difícil, foram muitos finais de semana e noites estudando, além de todo o nervosismo, ansiedade e cobrança pessoal. Espero que mais brasileiros consigam esse Certificado, temos muitas pessoas incríveis trabalhando com cerveja no Brasil e precisamos mostrar isso para o mundo de várias formas”, ressalta Beatriz.

Josemaría Mora, gerente da América Latina do Programa Cicerone, explica que a organização do Programa está planejando fazer o primeiro exame no Brasil até o final ano. “Estamos felizes em apoiar a indústria da cerveja no Brasil e ajudar a elevar a qualidade da cerveja. Espero que, com a quantidade de cervejarias existentes no Brasil, a Beatriz seja a pioneira de vários profissionais da indústria que alcançarão o título nos próximos anos”, destaca.

Foto: Divulgação