Notícias

16
fev
2018
    Publicidade
Crescimento de cervejarias foi de 37,7% no último ano

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) divulgou dados sobre o crescimento de cervejarias artesanais no Brasil. O ano de 2017 ficou marcado pelo aumento de 37,7%.

Os dados do Mapa indicam cerca de 8,9 mil produtos registrados no último ano, além de 679 fábricas de cerveja artesanal, superando o ano de 2016, que terminou com 493. O presidente da Associação Brasileira de Cerveja Artesanal (Abracerva), Carlo Lapolli, diz que os números comprovam a força do segmento. “As cervejarias artesanais e independentes, que não têm relação com grupos econômicos internacionais, estão conscientizando o consumidor sobre a degustação da bebida, além de contribuírem para a cultura gastronômica local”, comenta.

O Rio Grande do Sul possui o maior número de cervejarias registradas, 142, enquanto o estado de São Paulo aparece com 124 e Minas Gerais, com 87. Além disso, os gaúchos também lideram nos índices per capita, com uma cervejaria para cada 79.873 habitantes. Santa Catarina ocupa o segundo lugar, com uma para cada 89.758 e o Paraná em terceiro, com 169.476 habitantes por cervejaria.

Embora os números já terem aumentado, Lapolli afirma que o segmento cervejeiro é ainda maior, pois o Mapa não considera cervejarias ciganas em seus dados, devido à produção ser feita de forma terceirizada. Outro dado levantado pela Abracerva é de que os números de contratações em cervejarias artesanais também cresceram. O Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) aponta que cervejarias com menos de 100 funcionários geraram 723 novos postos de trabalho de janeiro a novembro de 2017.

Foto: Divulgação