Notícias

29
dez
2016
    Publicidade
On Tap #25
Nova Falke

A mineira Falke Bier, uma das pioneiras no estado, mudou sua identidade visual e enlatou a Estrada Real IPA. A cerveja em versão lata (350 mL) faz parte de um projeto piloto feito em parceria com a empresa itinerante DaLata e será distribuída, inicialmente, em Belo Horizonte. A nova marca mantém detalhes do brasão dos Falcone, dando maior destaque ao falcão – símbolo da família –, e os rótulos foram unificados.
MicroCube

Desenvolvida pela Krones Steinecker, o sistema em módulos, que já vem pré-montado, permite produzir de cinco a dez hectolitros, podendo ser instalado em pequenos espaços. Para se ter uma ideia, o sistema completo ocupa menos de 90 m². A novidade é uma planta completa, com sala de brassagem e adega de fermentação, na qual todos os processos, menos maceração, fervura e fermentação, são manuais.
Beber, encher, repetir

A marca My Growler, que comercializa artigos para apreciadores, foi apresentada ao mercado cervejeiro em junho. Além de tampas, engradados de madeira, copos, entre outros produtos, a empresa comercializa growlers personalizáveis, que contam com códigos QR. Com eles, os clientes podem encontrar pontos de recarga mais próximos (Growler Stations), indicar estabelecimentos e assinar conteúdos exclusivos. A primeira linha colecionável lançada foi a Pensadores da Cerveja, desenvolvida pelo designer Marcelo Nishihata, que traz personalidades da história mundial.
WE Brewshop

Os cervejeiros caseiros têm, em Porto Alegre/RS, uma nova extensão de suas cozinhas. Isso porque a WE Consultoria inaugurou uma filial na cidade: a WE Brewshop, que conta com 18 torneiras de sistema beer-to-go, com rótulos de marcas do estado, além de produtos, cursos e atendimento destinados aos homebrewers. Na matriz, continuam sendo oferecidas assessoria e revenda de insumos, equipamentos e acessórios para cervejarias. O novo espaço fica na Avenida Protásio Alves, 3136.
Music. Nature. Beer.

É a filosofia da nova microcervejaria carioca Octopus, que nasce com uma clara (e nobre) missão: promover interação, amizade, conversas sem fim e um consumo responsável. A marca tem à frente da cozinha Igor Puorro, cervejeiro mais premiado do XI Encontro Nacional das Acervas deste ano, e terceiriza suas produções na Cervejaria Antuérpia (MG). O primeiro rótulo lançado foi uma American Wheat, de 25 IBU e 4,5% de graduação alcoólica – uma estreia leve e cítrica no mercado artesanal.
Bar de mochileiros

O hostel Ô de Casa, em São Paulo, abriu as portas do seu Ô Bar do Hostel, que promete um cardápio com opções a preços amigos. O bar segue o estilo descontraído do hostel: chão de cimento queimado, mesas de madeira rústica e plantas espalhadas pelo local. Completa o lugar um terraço onde são feitas projeções ao ar livre. Para matar a sede e a fome, um cardápio enxuto que aposta na brasilidade – rótulos nacionais e duas torneiras de chope rotativas. Para acompanhar, petiscos, tapiocas e sanduíches. O espaço fica na Rua Inácio Pereira da Rocha, 385, bairro Vila Madalena.
Empreendedorismo cervejeiro sobre rodas

Os famosos tuk tuks (tricilos motorizados com cabine) chegaram mesmo para ficar e mostram-se como uma interessante alternativa aos empreendedores no setor. Prova viva e itinerante, o Macuco foi pensado para levar diversão e cerveja artesanal a eventos – de reunião entre colegas a casamentos. Possui quatro torneiras de chope e uma séria preocupação com sustentabilidade: oferece copos ecológicos, conta com iluminação solar, e parte do valor arrecadado é direcionada a instituições que prestam serviço à sociedade.
Experimentos cervejeiros

Foi instalado um verdadeiro laboratório de experiências cervejeiras a três minutos das areias de Copacabana, no Rio de Janeiro. O BeerLab, dos sócios-fundadores Helio e Tatiana Macedo Soares, nasceu do sonho do casal de fomentar a cultura dos growlers no país. Mais do que isso: de incentivar o consumo de produtos locais e frescos. A casa conta com nove torneiras de chope (além de cervejas em garrafas), growlers de cerâmica e de vidro, que podem ser levados para casa vazios ou cheios, e opções de comidas para harmonizar, também escolhidas por sua qualidade local. O espaço fica na Rua Sousa Lima, 16C.
Lund Munich Holz

90 dias. Esse é o tempo que a sazonal da Lund (SP), uma Strong Lager, ficou maturando em barris de carvalho, anteriormente usados para a produção de uísque. Lund Munich Holz é uma cerveja licorosa, com notas amadeiradas e 7% de graduação alcoólica, que será produzida em lotes de mil unidades, uma vez ao ano. A sugestão dos cervejeiros é que os apreciadores comprem várias garrafas e degustem ao longo dos anos, para perceberem as mudanças no aroma e sabor da bebida.
Para oficializar a produção

Inaugurada ano passado em Teutônia/RS, a BierKing é uma empresa de equipamentos em aço inox para fabricação de cerveja. O empreendimento, que tem a sua frente os sócios Alexandre Daniel Peters e Lisangela Passini, oferece ferramentas de acordo com a necessidade do cliente e atende desde pequenos cervejeiros, que querem produzir sua própria bebida, a grandes fabricantes. Os produtos comercializados contemplam moinhos, cozinhas (de até 500 L), resfriadores, tanques, lavadoras de barris, pasteurizadores e linhas de envase.
Nova cigana paulista

Uma Belgian Strong Golden Ale e uma American Pale Ale foram os lançamentos de estreia da nova microcervejaria cigana do interior de São Paulo, Bersi Bier. Batizadas de Volupia e Cadillac Ranch, os nomes fazem referência ao prazer dos sentidos, traduzidos no rótulo da escola belga, e à instalação de arte homônima, no Texas/EUA, respectivamente. A marca tem no comando dos negócios e das panelas o cervejeiro Daniel Bersi, proprietário, e será distribuída, inicialmente, em pontos de venda do estado.
Overdose de lúpulo

Os cariocas têm uma nova opção de breja artesanal para brindar direto da fonte! Foi apresentada no Rio de Janeiro, durante os Jogos Olímpicos, a Overhop, microcervejaria cigana dos sócios Flavio Baruffaldi, Rodrigo Barroso e Rodrigo Baruffaldi. A marca, que tem suas produções terceirizadas na Mistura Clássica (RJ), inspira-se na cultura cervejeira norte-americana e carrega suas receitas com muito lúpulo. Os rótulos de estreia são: DarkHop (7% ABV), HopGoddess (6,5% ABV), Overhop (8,5% ABV) e SweetSofia (5% ABV).
Sedução engarrafada

O quinto pecado capital da Mea Culpa (SP) é a Luxúria, uma potente Imperial Stout com aromas marcantes de café e cacau. Nas palavras do mestre-cervejeiro da marca, uma cerveja “licorosa, potente e aveludada”. A receita apresenta 10% de graduação alcoólica e 70 IBU e é comercializada em chope e garrafas de 355 mL.
Brüder Porter

O quinto pecado capital da Mea Culpa (SP) é a Luxúria, uma potente Imperial Stout com aromas marcantes de café e cacau. Nas palavras do mestre-cervejeiro da marca, uma cerveja “licorosa, potente e aveludada”. A receita apresenta 10% de graduação alcoólica e 70 IBU e é comercializada em chope e garrafas de 355 mL.
Ceva da pura e direto da fonte

Foi inaugurado em agosto o tasting room da Cevada Pura em Piracicaba/SP. O espaço de 2,5 mil m² é anexo à fábrica e à loja, possibilitando que, além de degustar as cervejas da casa, o público possa conhecer como elas são produzidas. Ao todo, são seis torneiras e a geladeira, com as versões engarrafadas: American IPA, Belgian Tripel, Bock, Brown Ale, English IPA, Irish Red Ale, Kölsch, Lemondrop, Oatmeal Stout, Pilsen e Weizenbier. O local está aberto ao público de segunda a sábado, das 8h30 às 19h.
4 Árvores

A capital gaúcha abriga uma nova microcervejaria, a 4 Árvores, localizada na região do 4º Distrito, no bairro São Geraldo. À frente dos negócios e dos tanques estão os amigos Ivan Diehl e João Henrique Nascimento Franco, que além de homenagearem as belas árvores da cidade, adotam uma postura sustentável, através de medidas para reduzir o impacto ambiental da empresa. Por mês, são produzidos quatro mil litros de cerveja, distribuídos apenas no estado. Os quatro primeiros frutos do projeto são: Flamboyant (American Pale Lager), Ipê Amarelo (Saison), Jacarandá (Belgian IPA) e Paineira (Double IPA).
Cascara

A sazonal lançada pela recém-inaugurada ZalaZ (MG) com a novíssima OneBrew (SP) chegou para deixar os apreciadores salivando. É uma Sour produzida com limão galego e chá de casca de café – em espanhol, cascara, que dá nome à receita – ingredientes da estação. O resultado é uma bebida de 4,4% ABV, refrescante como promete o estilo, com o aroma do café e o sabor levemente ácido do limão.