Cilene Saorin — Uma vida cervejeira

Do trabalho como cervejeira ao ensino de sommelieria, a história e a visão de Cilene, uma referência no mercado nacional.

TEXTO: Letícia Garcia

Desde os 20 anos, ela traça os seus caminhos no ramo cervejeiro, que descobriu ainda antes de se graduar engenheira de alimentos. Decidida a trabalhar no setor, mesmo com o pouco incentivo, buscou na Espanha o mestrado em Ciência e Tecnologia Cervejeira na Escuela Superior de Cerveza y Malta, da Universidad Politécnica de Madrid, local que frequenta hoje como professora.

Cilene é a grande responsável pela implementação da sommelieria de cervejas no Brasil por meio da Doemens Akademie, que ela representa atualmente como diretora de educação para os mercados da América Latina, Espanha e Portugal.

A paulistana compartilha aqui as suas ideias e a sua trajetória, marcada por muitos empecilhos por ser mulher num ramo predominantemente masculino, mas também por muitas conquistas e pela busca da inclusão. Tudo começou em 1992, quando fez um estágio na Cervejaria Águas da Serra, da Brahma, em Guarulhos/SP.

Quer ler a matéria completa? Adquira a edição #39 da Revista da Cerveja.

Foto: Fernando Donasci

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*