Growler Station — Oportunidade de negócio

Texto: Fabiane Pereira | Foto: Letícia Garcia

Empresários apostam na versatilidade de montagem e operação dessas lojas que oferecem praticidade, bons preços e produtos de qualidade. Não demorou muito para cair no gosto dos consumidores e as growlers stations deixarem de ser tendência e se expandirem pelo Brasil.

Locais com equipamentos adequados para armazenamento e envase, como balcões refrigerados, torneiras adaptadas e máquinas de enchimento à contrapressão CO2 estão ganhando espaço no mercado e funcionam fora da estrutura de bares ou restaurantes. As growlers stations são um novo modelo de negócio de fracionamento de bebidas e venda à granel que vem se popularizando no setor, principalmente entre aqueles que querem trabalhar com cerveja sem a complexidade e o investimento que uma fábrica ou bar exigem.

“Growler station não é um bar, mas uma loja ou um quiosque que tem como principal atividade o envase de growlers, tanto de cerveja como também de outras bebidas para levar. Além do investimento ser inferior a um modelo de negócio mais tradicional, a operação é simples e enxuta”, explica Rodrigo Fernandes, CEO da My Growler Station, inaugurada em novembro de 2018 em Porto Alegre/RS.

>> Quer ler matéria completa? Adquira a edição #42 da Revista da Cerveja.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*