IPA Day Brasil 2014

IPA Day Brasil 2014

O já tradicional IPA Day Brasil, organizado pela Academia de Ideias Cervejeiras, teve sua 3ª edição no último dia 30 com direito a número recorde de participantes, lançamento de uma nova microcervejaria, escolha de melhor IPA, rock ‘n’ roll e, é claro, muitas opções do estilo India Pale Ale.

As gargantas dos lupulomaníacos devem estar se recuperando da festa que aconteceu no Espaço Santo Antônio, em Ribeirão Preto (SP), no sábado passado. Mais de seis mil litros de cerveja estavam à disposição dos participantes, que,  este ano, não perderam tempo – já na primeira quinzena de agosto, haviam esgotado os dois mil ingressos disponíveis. Lembrando que, na edição anterior, com 1200 participantes, o evento já era considerado o maior festival IPA Day do mundo, segundo os organizadores do International IPA Day dos Estados Unidos.

No evento, 37 IPAs estavam divididas em 8 estandes. O elenco de cervejarias  foi grande: De São Paulo, marcaram presença as microcervejarias Colorado, Burgman, Cevada Pura, Cuesta, Dama Bier, Dortmund, Invicta, Júpiter, Landel, Nacional, Opera, Suméria e Urbana; de Minas Gerais, a Backer; do Rio de Janeiro, a Noi e a Sankt Gallen; e do Sul, as gaúchas Maniba, Seasons e Tupiniquim, e as paranaenses Bodebrown, Tormenta e Way. Sem contar o elemento surpresa do festival, a recém-inaugurada Weird Barrel Brewing Co., também de São Paulo.

Os idealizadores da mais nova microcervejaria paulista são os cervejeiros Rafael Moschetta e João Becker, ambos da Academia de Ideias Cervejeiras, e que já passaram pela Cervejaria Colorado (SP). A Weird Barrel tem em sua essência o espírito pirata. Tanto na identidade visual, como na gestão e criação de produtos e receitas, a proposta é buscar o incomum.

E o evento não ficou apenas nas lupuladas, entre uma e outra, além de água, a comida é fundamental para aproveitar a festa até o fim. Por isso, no evento, os hopheads puderam harmonizar suas IPAs com cardápios de quatro restaurantes diferentes, tudo ao som de boa música. Para a felicidade dos amantes do bom e velho rock ‘n’ roll, estavam na festa as bandas de São Paulo Velhas Virgens e Microbius Experience .

No dia, ainda teve escolha de melhor IPA do ano, cervejaria mais votada e funcionário que mais se destacou. A votação elegeu a Bodebrown Cacau IPA como a melhor do festival. Já a cervejaria mais votada foi a Cervejaria e Escola Bodebrown – Viva La Revolucion.

O que esperar de uma festa que não para de crescer? Segundo Rafael Moschetta, que também é da comissão organizadora do evento, “uma festa ainda maior!” O homebrewer ainda levanta a possibilidade de trazer atrações internacionais e de aumentar em mais um dia a festa. É o que os fãs do amargor esperam! Cheers!

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*