Júpiter e Urbana unem-se para elaboração de cerveja colaborativa

Não precisa de prescrição médica para experimentar a colaborativa das paulistas Júpiter e Urbana. A novidade, uma Black IPA, é a primeira empreitada coletiva das micros e foi produzida através do site de crowdfunding cervejeiro Social Beers. Além de framboesa, morango e amora em sua composição, a receita leva seis tipos de maltes diferentes, cevada torrada, aveia e altas doses de lúpulo. Possui 70 IBU e 6% de graduação alcoólica.

A primeira produção entre as micros depende de um número mínimo de vendas na plataforma Social Beers.

O público apreciador de boas brejas tem até o dia 22 de junho para apoiar as paulitas Júpiter e Urbana nesta que é a primeira empreitada coletiva das micros. A criação, intitulada Tarja Preta, é uma Black IPA com frutas vermelhas, e para ser produzida, seu projeto no site de crowdfunding cervejeiro Social Beers deve chegar aos 1.600 litros.

Além de framboesa, morango e amora em sua composição, a receita deve levar seis tipos de maltes diferentes, cevada torrada, aveia e altas doses dos lúpulos Jarrylo e ADHA 871. Com 70 IBU e 6% de graduação alcoólica, o rótulo deve ser elaborado em edição limitada.

Para David Michelson, da Júpiter, a cerveja marca não apenas a união das fábricas, mas “representa um momento muito especial na cena cervejeira de São Paulo. O André deveria ser meu concorrente mais duro. Mas na real, acabamos nos tornando grandes amigos”, completa.

Quem colaborar com a cerveja no site poderá ganhar copos, camisetas, growlers e outros brindes, dependendo da cota adquirida. Os apoiadores da edição ainda poderão visitar a cervejaria no dia da brasagem. Os valores da Tarja Preta variam de acordo com a cota adquirida por cada comprador, iniciando em R$ 17,99 a garrafa de 310 mL, podendo chegar a R$ 1.400,00 o barril de 50 litros. Para colaborar, clique aqui.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*