Massas além do tradicional

Massas

Uma das grandes contribuições da culinária italiana para o mundo, a massa é o tema da harmonização desta edição. Para isso, trouxemos o chef José Barattino, do Eataly SP, centro gastronômico italiano paulista, e a beer sommelier Taiga Cazarine, professora e consultora, ambos de São Paulo e muito preparados para esta deliciosa (e inovadora) experiência.

Chef José Barattino – Com a mão na massa

Formado em Hotelaria pelo Senac/SP, o chef, de 39 anos (19 deles trabalhando com gastronomia), no momento trabalha no Eataly São Paulo, no Homa restaurante e no Pastifício Due Grani.

Ele começou na área no próprio Senac/SP e nunca mais parou. Já passou por alguns lugares, como Restaurante Namesa, Hotel InterContinental, Restaurante El Bulli e Hotel Emiliano. Descendente direto de italianos, naturalmente a sua influência é a cozinha italiana, embora o que mais gosta de cozinhar são peixes e vegetais. “Minha comida preferida é pasta. Gosto muito dos temperos mediterrâneos, desde as ervas frescas até as especiarias características do norte da África.”

Considera um momento marcante na sua carreira ter feito parte do time do restaurante El Bulli, na Espanha em 2003 — na época, considerado o melhor do mundo. Possui pouca ligação com a cultura cervejeira e não se considera “um grande bebedor de cerveja”, mas, pelo seu envolvimento com a gastronomia, acredita ser “um assunto interessante”. Lembra de ter montado uma carta de cervejas harmonizadas em 2008 no Hotel Emiliano, com os pratos da casa. “Fomos percursores aqui em São Paulo, foi um trabalho interessante.”

Quer ler a matéria completa? Adquira a edição #39 da Revista da Cerveja.

Foto: Vitor K. Neves

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*