Narcose em casa: cervejaria gaúcha lança e-commerce para todo o Brasil

Carta disponível para compras on-line conta com os cinco rótulos recém-premiados no Concurso Brasileiro de Cervejas de Blumenau, que conquistaram sete medalhas.

Para expandir as vendas para todo o Brasil, sem que suas cervejas — não-pasteurizadas e tampouco filtradas — perdessem o frescor durante o trajeto, a gaúcha Narcose precisou desenvolver uma logística que inclui caixas térmicas, molde de isopor para acomodar as latinhas em segurança e gelo reutilizável (armazenado em freezer a – 21°C até a hora de fechar o pacote). Após um ano de desenvolvimento e testes, o e-commerce da cervejaria está finalmente no ar, com todo o portfólio de artesanais disponível para entregas. E o sucesso foi imediato: em 24 horas, a nova loja on-line bateu a meta de vendas (agora triplicada) para todo o mês de abril.

Instalada em Capão da Canoa, no litoral norte do Rio Grande do Sul, a Narcose é tocada por uma família que é apaixonada por cervejas e pelo mar – e todo o conceito da cervejaria é pautado nas sensações que só uma boa cerveja e um bom mergulho em alto mar proporcionam. O nome da cervejaria, aliás, remete ao estado de “embriaguez” que pode ser sentido por mergulhadores em águas profundas. Já suas cervejas são classificadas em três grupos, batizados com os nomes dos níveis de profundidade de um mergulho: Shallow Dive (que agrupa estilos leves e com alta drinkability), Deep Dive (cervejas inusitadas, com complexidade sutil) e Tech Dive (alta complexidade e personalidade) — e cada grupo conta com rótulos de linha, sazonais (produzidos uma vez por ano) e experimentais.

Entre as cervejas de linha, destaque para a Lager, “a melhor do Brasil”, que acaba de conquistar medalha de ouro no Concurso Brasileiro de Cervejas de Blumenau, e prata na categoria Best of Show, em que concorrem todos os rótulos campeões. Leve, com amargor limpo e um toque floral de lúpulo, “é uma legítima cerveja ligeira para o dia a dia”.

Na turma das sazonais, a Flip-Flops to Hell, outro ouro para a conta da Narcose, é uma gose com caju e pimenta produzida pela também gaúcha Chilli Brothers — a parceria com pequenos produtores locais é outro pilar da cervejaria. Esse rótulo, inclusive, é colaborativo, também assinado pela Suricato, 4 Islands e Freigeist. O resultado é uma cerveja leve, refrescante, com perfeito equilíbrio entre acidez e salinidade, além da picância no arremate.

Já a Wine Drop, uma Bière Brut com 30% de vinho orgânico da Vivente Vinhos, entra no balaio das experimentais. Lançada em dezembro de 2020, mal chegou no mercado e já levou ouro no mesmo concurso em Blumenau. Após 12 meses refermentando em garrafa (pelo método champenoise), torna-se uma cerveja-espumante muito equilibrada, levemente ácida e com um sutil funky no final. Ela foi feita em colaboração com a Stillwater Artisanal e a Morada Cia Etílica.

A carta, que inclui outra porção de estilos cervejeiros, como Helles, Czech Lager, American Sour e IPA, já está disponível para compras on-line (www.cervejarianarcose.com.br) com condições especiais de frete a depender do valor da compra.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*