Nova cultivar é criada no Paraná

Texto: Andréia Ramires | Foto: Divulgação/Agrária

Após dez anos de pesquisa, a Fundação Agrária de Pesquisa Agropecuária (FAPA), de Guarapuava/PR, apresentou uma nova cultivar — batizada como Imperatriz — durante a 16ª edição do WinterShow, que ocorreu nos dias 15 e 16 de outubro na própria Fundação.

A Imperatriz foi apresentada na Estação de Cevada, um espaço do WinterShow que debateu temas como manejo para altas produtividades. Durante quase uma década, o programa de melhoramento da FAPA trabalhou para o desenvolvimento de uma nova variedade de cevada. A pesquisa buscou responder os anseios dos cooperados da Agrária no que diz respeito à produtividade, além de atender as particularidades exigidas pela indústria para a fabricação de um bom malte.

Entre os principais diferenciais da cultivar, estão o seu porte adequado, tornando menos suscetível ao acamamento, e a grande tolerância a doenças como a Mancha em Rede. Noemir Antoniazzi, pesquisador da FAPA, falou sobre a participação do evento: “Durante o WinterShow nós difundimos as características da cultivar, seu comportamento no processo de pesquisa e experimentação. Também aproveitamos para compará-la com as demais variedades que trabalhamos hoje”, diz.

O cooperado Ernesto Stock atua na multiplicação de sementes e possui uma área em sua propriedade cultivada com a Imperatriz. “Quando uma variedade chega neste estágio é porque se destacou em termos gerais. Ainda é precoce tirar conclusões definitivas, mas penso que ela está tendo um bom comportamento no campo.”

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*