Pós-Doc, da academia ao mercado

Gestada em uma incubadora de empresas, a nanocervejaria Pós-Doc, que nasceu praticamente de um pós-doutorado, é fruto de uma experiência pioneira no interior de Minas Gerais, mostrando que existe muitos caminhos e alternativas para o surgimento de iniciativas cervejeiras.

“Somos a primeira cervejaria do Brasil numa incubadora de empresas a receber registro do Ministé-
rio da Agricultura, Agropecuária e Abastecimento (Mapa)”, revelam os sócios Luciana Guimarães, psicóloga, e Francisco Eduardo de Carvalho Costa, biólogo e mestre-cervejeiro da cervejaria Pós-Doc, de Santa Rita do Sapucaí/MG.

Tudo começou quando Francisco desenvolvia o seu pós-doutorado em microbiologia na Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp) entre 2012 e 2013. Por meio do seu supervisor, teve contato com cervejas importadas para isolar leveduras. Ele, que não gostava de cerveja, acabou provando e gostou da ideia. Mas as primeiras produções de cerveja só viriam tempos depois, num curso particular, inclusive com hidromel, ainda nos laboratórios da Unesp.

Quer ler a matéria completa? Adquira a edição 47 da Revista da Cerveja.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*