Brasil dobra o número de medalhas conquistadas no Brussels Beer Challenge

Texto: Letícia Garcia | Foto: Bart Van der Perre

Cervejarias nacionais conquistaram 16 medalhas na edição 2020, o dobro de prêmios alcançados no ano anterior. Dama Bier (SP) destacou-se com cinco delas e o prêmio de Melhor Cerveja Sul-Americana.

O Brasil foi o 5º país mais bem premiado da competição, com quatro ouros, sete pratas e cinco bronzes. A 9ª edição do Brussels Beer Challenge, competição criada pela Becomev (Beer Communications & Events), aconteceu em Bruxelas, Bélgica, de 26 de outubro a 6 de novembro. A Dama Bier (SP) foi o grande destaque brasileiro, conquistando cinco medalhas e o prêmio de Melhor Cervejaria Sul-Americana da Competição com a Dama American Lager.

“Essas conquistas são muito importantes para a Dama Bier, que busca consistência de produção e evoluir continuamente. Esses reconhecimentos comprovam isso”, diz Renato Bazzo, proprietário da Dama. “É resultado da dedicação incansável de uma equipe que se mantém motivada porque ama muito o que faz — esse prêmio é de vocês e de todos os consumidores que se identificam com a nossa história. E há muito por vir”, acrescenta.

Em meio à pandemia, a Dama lançou dois projetos neste ano em que completa uma década de existência, o Dama Lab e o Dama Wood Selection — este último teve uma cerveja levando ouro na competição. “Alcançamos reconhecimento nacional e internacional, com mais de 102 premiações nos melhores concursos de cerveja, consolidando nossa marca no mercado e, o principal, entregando aos nossos clientes cerveja de excelente qualidade”, finaliza Renato.

Cuidados e estilos

A edição 2020 do concurso foi realizada de forma bem diferente do habitual. Em meio à pandemia de Covid-19, o julgamento aconteceu com muitas precauções de segurança e deu prioridade a juízes belgas ou que morassem no país. As mesas de julgamento foram individuais, distanciadas por dois metros, a higiene foi redobrada e a máscara tornou-se obrigatória — exceto, claro, para os momentos de degustação.

Foram 1.546 cervejas inscritas de 36 países. No âmbito geral, as cervejarias que se destacaram foram a Brasserie Dupont (Bélgica), como mais bem-sucedida de 2020, e a Browar Rockmill (Polônia) com a melhor cerveja do concurso (Friend or Foe?). A Bélgica manteve a liderança da competição, com 79 prêmios, seguida por Estados Unidos (31) e Itália (30).

Belgian Tripel foi o estilo com mais inscrições (71), e na sequência ficaram Belgian Witbier (46) e Herb and Spice (44) — enquanto NEIPA foi a categoria com o crescimento mais rápido, chegando a 43 rótulos inscritos. A organização avalia ainda que cervejas Alcohol Free e Low Alcohol estão florescendo no concurso.

Confira a lista de cervejarias brasileiras premiadas

Melhor Cerveja Sul-Americana da Competição
Dama American Lager (SP) — Lager: Hoppy Lager

Ouro
Colorado Ribeirão Lager (SP) — Lager: International Style Pilsner
Dama American Lager (SP) — Lager: Hoppy Lager
Dama Wood Selection Imperial Brown Porter (SP) — Flavoured Beer: Wood/Barrel Aged (less than 10 ABV)
Wäls Dark Coffee Break (MG) — Dark Ale: Brown Ale

Prata
Bodebrown Iron Maiden Trooper Brasil IPA (PR) — Flavoured Beer: Chocolate
Bohemia Reserva (RJ) — Speciality Beer: Barley Wine
Brahma Duplo Malte (RJ) — Lager: Light Lager
Colorado Double Brown Coconut (SP) — Flavoured Beer: Field Beer
Cozalinda Praia do Meio (SC) — Speciality Beer: Other Sour Ale
Dama Pilsen (SP) — Lager: American-Style Pilsner
Kessbier Belgian Mango Brut (MT) — Speciality Beer: Brut Beer

Bronze
Bohemia Puro Malte (RJ) — Lager: Light Lager
Brahma Chopp (RJ) — Lager: Light Lager
Colorado Black Indica (SP) — Dark Ale: Dark/Black IPA
Dama Oatmeal Golden Coffee Ale (SP) — Speciality Beer: Speciality Beer (higher than 7 ABV)
Dama Stout (SP) — Stout/Porter: Stout Export

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*